segunda-feira, dezembro 31, 2007

ADEUS ANO VELHO

ADEUS ANO VELHO

“É BOM esperar em silêncio a salvação do Senhor”
Lamentações 3.26.

Eu vou guardar boas recordações de 2007. Neste ano viajei nas férias, experimentei um significativo desenvolvimento profissional, terminei a faculdade e, no apagar das luzes de Dezembro, consegui um emprego novo. Vou iniciar o novo ano com boas perspectivas e com a esperança de que ele será tão bom, ou até melhor do que o que está se encerrando hoje.

Não foi sempre assim. Houve um tempo difícil em que enfrentei um longo período de desemprego e de sub empregos. Os reveillons chegavam sem muita expectativa, pois os meses seguintes prometiam ser apertados. Nesta época, um versículo bíblico me trazia conforto e alimentava a minha fé “É bom esperar em silêncio a salvação do Senhor”

Eu esperava, em silêncio, porque faltavam palavras para definir o incômodo que sentia. Mas a esperança de que a salvação de Deus viria não me deixou desistir no meio do caminho. Continuei investindo, estudando, mesmo quando, ao redor, algumas pessoas diziam que era inútil tentar.

Foi bom esperar em silêncio, porque deixei de falar muitas palavras que me trariam arrependimento. Foi bom esperar pela salvação do Senhor, porque isto forjou o meu caráter, fortaleceu a fé e mostrou que existem limites a serem respeitados. Eu devo ir até certo ponto, a partir dali, Deus segue em frente e faz aquilo que está fora do meu alcance.

Hoje estes problemas fazem parte do passado, são histórias para testemunhar o cuidado de Deus que me permitiu vencer os obstáculos e chegar até o dia de hoje, com a saúde emocional preservada a ponto de poder comemorar mais um 31 de dezembro com alegria.
Ainda estou longe de realizar todos os meus sonhos, mas lembrar destas bênçãos me proporciona a certeza de que Deus seguirá cuidando de mim. Quando novas tempestades vierem, seguirei esperando, pois sei que: “O Senhor é bom para os que neles esperam e o procuram” Lamentações 3.25.

5 comentários:

Zenaide disse...

Fico muito feliz em ver que você teve um ano tão bom. Mesmo que 2008 acabe não se revelando um ano tão bom quanto esse (porque a vida não é um constante, e pode ser que seja até muito melhor), eu acho que é desse tipo de coisa de que Jeremias falava quando dizia "quero trazer à memória aquilo que me traz esperança". O que traz esperança é mesmo o cuidado de Deus.
Um 2008 muito feliz pra você, com renovação de sonhos e cheio de realizações.

Ruben Marcelino disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ruben Marcelino disse...

Seu texto reflete o fundamental da vocação profética: através da recordação das situações de tristeza e alegria, acentuar as experiências nas quais se teve Deus por companhia e a capacidade humana de transcender, de maneira a projetar esperanças para o amanhã.

Agradecido, parabenizo você!

Feliz jornada em 2008!

Cadu disse...

...sei como é...
Ao redor dos maiores prédios que eu já vi
No final de um dia cheio de engolir,
Cada um tem seus milagres, pra fugir;
Cada um tem seus milagres pra insistir, pra não fugir pra não ouvir.
O som dos dias nos distanciam da nossa melhor metade,
que vai ficando de lado pelo medo de não dormir.
Que vai ficando de lado sem esquecemos das pequenas coisas
que nos protegem, nos protegem porque?
Cada um tem seus milagres, pra fugir.

Pedro Grabois disse...

Marcos, meu amigo! Desejo muito êxito no seu novo emprego! Vê aí direitinho teu horário... se vc se animar e puser pilha, quem sabe o "Vida Integral" não funciona mesmo? huehuee,
abração,
Pedro.